5.12.2006


esse papo seu tá qualquer coisa...


(carol e júlio, vagalumiando idéias para eu e tu, tatu e coruja)

2 comentários:

Janaína disse...

Meu tatu,
(não posso rasgar seda tão explicitamente, vou tentar me controlar...)
ai, ai, ai: que bom essa história de blog, porque é uma maneira de te reconhecer em palavras, idéias. sempre acho isso. de qualquer forma, empregamos aqui e ali uma marca, uma identidade nas pegadas que deixamos.
eu acho que seria bom colocar as razões desse post: a leitura de "os autonautas da cosmopista", as tuas impressões, o que foi suscitado após a leitura. acho que isso situa um pouco e eu vou adorar ler a tua idéia sobre o livro (que eu ainda não li e quero fazê-lo contigo).

acho que é isso. eu te amo muito e tenho um orgulho enorme de ti, de todas as coisas que tu fazes... sorte a minha, não?

carolina disse...

oi alexandre! sou amiga da jana, tu foste na minha casa, na raposa.
caaara, eu fiquei metidona quando descobri q era chará da ultima 'murrer' do cortazar, q tb tinha cabelos curtos...eu tenho essa fotinha, graças ao google.
bobagens...